Exibindo todos 3 resultados

Ronaldo Costa Fernandes é poeta e ficcionista. Seu livro A máquina das mãos (7Letras, 2009) ganhou o Prêmio de Poesia da Academia Brasileira de Letras. Publicou ainda os livros de poemas Estrangeiro (1997), Terratreme (Prêmio Bolsa Brasília da Secretaria de Cultura do DF, 1998), Andarilho (2000), Eterno Passageiro (2004), Memória dos porcos (2012) e O difícil exercício das cinzas (2016), além do romance Vieira na Ilha do Maranhão (2019). É doutor em Literatura pela UnB. Na área da ficção, ganhou, entre outros, o prêmio Casa de las Américas, o Guimarães Rosa e o APCA.

Este site usa cookies para lhe oferecer uma melhor experiência de navegação. Ao navegar neste site, você concorda com o uso de cookies.